Publicado por: zaumao | janeiro 2, 2010

Chrono Trigger

Bem pessoal… Terceira review, agora uma review de um jogo clássico que por mim eu considero como um dos melhores RPG’s de todos os tempos (Se não o melhor).
O jogo Chrono Trigger, lançado para Snes.
Chrono Trigger não é um jogo muito novo, mas é melhor do que muitos joguetes novatos por aí.
Foi lançado para Snes, e qualquer pessoa que joga é inspirada a jogar mais e mais, já que é um conjunto de qualidades impressionantes.
Enredo
Num belo dia a mãe de um garoto chamado Crono o acorda para ir na Feira do milênio, lá Crono sem querer dá um “encontrão” numa garota chamada Marle, e assim, o pendante desta garota cai no chão, Crono pega o pendante e o devolve para Marle, assim os dois acabam se conhecendo.
Crono vai ver um novo experimento de uma amiga dele chamada Lucca, chegando lá o experimento foi um total sucesso, testado pelo prórpio Crono, mas Marle também queria testar este tal experimento onde teletransportava uma pessoa de um lugar para outro.
Mas ocorreu um problema, o pendante que Marle estava usando começou a brilhar, então um portal se abriu onde Marle foi mandada para o passado.
E assim irá se desenrolar a história de Chrono Trigger, com uma história muito cativante, inovadora (Sim, MUITO inovadora), e também muito lógica.
Som
Chrono Trigger se destaca entre os outros jogos também pelo som, onde o som deixa a diversão maior ainda para o jogador. A trilha sonora do jogo era tão boa que em 2005, um grupo de músicos lançaram o álbum Chrono Symphonic – A Cinematographic Interpretation, uma interpretação orquestral e eletrônica dos temas incidentais do jogo.
Gráficos
Este é um tema importante a se tratar, já que os gráficos de Chrono Trigger davam de 10×0 em qualquer outro jogo de SNES, naquela época, é como se fosse um Crysis de hoje, com tudo no very high, vocês vão se impressionar se compararem os gráficos de Chrono Trigger com outros jogos de SNES. 😛
Personagens

Crono: Personagem principal do jogo, você também pode atribuir outros nomes para ele. Ele mora com sua mãe e com o seu gato, e desde de o principio do jogo cita-se de que ele é amigo da Lucca.
Marle: Princesa de Guardia. O nome verdadeiro dela é Nadia, foi por causa dela que começou toda a desenrolação da história.
Lucca: Grande inventora, desde o principio do jogo é amiga de Crono, ela que criou o experimento de teletransportar pessoas, e criou a gate key, onde se dá para viajar no tempo, usando o portal anteriormente citado no enredo do jogo.
Frog: É um cavaleiro do Reino guardia. O nome verdadeiro dele é Glenn, ele era um humano normal até ser transformado num sapo por Magus.
Robo: Quando Crono e seus amigos (Bem clichê, não? :P) viajam para o futuro, encontram um Robô, que estava desativado, e Lucca, com sua inteligência, consegue reativá-lo.
Mas, previsivelmente ele é “inferiorizado” pelos outros robôs.
Ayla: Num passado beeem distante, Crono encontra Ayla, chefe da tribo Loka, onde seu povo se encontra em guerra, com os Reptites.
Magus: É um feiticeiro de Zeal que foi separado de sua família por Lavos. Ele busca encontrar Lavos e destruí-lo como vingança. Seu nome verdadeiro é Janus.
Jogabilidade
Como todo jogo clássico de RPG do SNES, Chrono Trigger adota um sistema de equipamentos, onde se tem um tipo de equipamento específico para cada personagem.
Além de ter um sistema de “magia específica” de cada personagem, onde:
Crono: Luz
Marle: Gelo
Lucca: Fogo
Frog: Água
Robo: Como ele é um robô, não tem elemento específico, mas a tecnologia dele compensa isso.
Magus: Trevas
E se não bastasse isso, Chrono Trigger te dá duas escolhas de tipo de batalha que você queira:
Batalha ativa: Inimigos não esperam vocês montar estratégia e essas coisas.
Batalha Passiva: Inimigos esperam você montar estratégia.
Notas
Enredo: 10
Som: 10
Gráficos: 10
Jogabilidade: 10
Nota final: 10
Vocês devem achar que eu sou louco por dar 10 em tudo em Chrono Trigger, mas se vocês jogassem Chrono Trigger, iriam saber como realmente esse jogo merece 10!
Bem que… Recomendo a Todos!
Feliz ano novo para todos vocês. 😛
Ítalo “Toel”
Anúncios

Responses

  1. Adoro jogos de RPG…
    Os de SNES são clássicos!
    Só não sei como jogá-los aqui no PC, agora que mudei meu sistema pro Linux…Não encontrei ainda um Emulador compatível!
    Sabe de algum??

    P.S.: Adoro o traço do Akira Toriyama! ^^

    Abraços!
    http://cenasdavida.wordpress.com/
    😉

    • Eu pesquisei pra ti, um emulador de snes para Linux, e ACREDITO que neste link tenha:
      http://www.emuladores.com.br/menu.asp?codcat=44

      Eu ainda não testei, até porque não tenho Linux. @_@
      Mas baixa daí e vê se funciona. 😛
      E, sim… O traço do Akira Toriyama é muito bom! *–*

  2. […] Yoshi Island num conta. Como eu to com preguiça de explicar o que é o jogo, deixo vocês com esse link do pessoal do CloudBorn, que tem um post muito legal pra […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: